Esta página foi traduzida usando IA e aprendizado de máquina.

Outro dia, outro escândalo de dispositivos domésticos inteligentes . Desta vez, não se trata de Ring ou Wyze , mas de Xiaomi. E o Google está intervindo para ajudar a solucionar o incidente de segurança. Aqui está tudo o que você precisa saber.

O que aconteceu?

O Google parou recentemente os dispositivos Xiaomi de acessar seu Nest Hub e o Google Assistant. A empresa anunciou esta decisão depois que o proprietário da câmera Xiaomi relatou ter visto fotos desconhecidas, presumivelmente das câmeras Xiaomi de outros usuários, exibidas no dispositivo Nest Hub. Esse problema, relatado pela primeira vez no Reddit e detectado pela Android Police , foi confirmado pelo Google. Ele diz que está em contato com a Xiaomi para trabalhar em uma correção.

Em outubro de 2019, a Nest, de propriedade do Google, anunciou um programa de acesso a dispositivos, mas com várias limitações sobre quais dispositivos de terceiros podem trabalhar com dispositivos Nest. Há apenas algumas dúzias de câmeras compatíveis com os displays Nest, por exemplo. Portanto, para ajudar a limitar o impacto desse incidente de segurança, o Google seguiu o caminho cauteloso, cortando o acesso da Xiaomi até que ele possa resolver as coisas.

"Estamos desativando as integrações da Xiaomi em nossos dispositivos", disse o Google, e não forneceu informações sobre quando ou se o acesso será restabelecido.

Quem está em falta?

O usuário do Reddit Dio-V recentemente afirmou que sua nova câmera de segurança Xiaomi Mijia 1080p Smart IP aleatoriamente começou a transmitir imagens estáticas para a tela do Google Nest Hub, e que essas imagens pareciam vir das casas de outros usuários.

O usuário do Reddit chegou a dizer ao The Verge que viu fotos de uma varanda, uma pessoa dormindo em uma cadeira e um bebê no berço.

Em comunicado ao Pocket-lint, a Xiaomi culpou o problema por uma "atualização de cache" de 26 de dezembro, que visa melhorar a qualidade do streaming da câmera.

No caso do usuário do Reddit, a Xiaomi disse que deve ter acontecido "durante a integração entre o Mi Home Security Camera Basic 1080p e o Google Home Hub com uma tela em más condições de rede".

Ele também disse que o problema não aconteceria "se a câmera estiver vinculada ao aplicativo Mi Home da Xiaomi". A integração Xiaomi-Nest permanece indisponível para todos os usuários, no entanto, até que a "causa raiz esteja completamente resolvida", de acordo com a Xiaomi .

O que você deveria fazer?

Se você possui uma câmera Xiaomi, considere desligá-la e desvinculá-la da sua rede Wi-Fi, sistemas domésticos inteligentes e dispositivos Nest até que a Xiaomi fale e, finalmente, resolva o problema. Manteremos você informado conforme aprendemos mais.

Seções